Cegos organizam marcha contra corte de convênio pela Prefeitura de Porto Alegre

*Cegos organizam marcha contra corte de convênio pela Prefeitura de Porto Alegre*

O protesto vai ocorrer *nesta terça-feira (9/5)*, 14h, no centro da capital

A Associação de Cegos do Rio Grande do Sul (Acergs) organiza um protesto para chamar a atenção da população para o corte de verbas de convênio com a prefeitura da capital que vai prejudicar o atendimento de mais de 800 pessoas com deficiência visual, entre cegos e com baixa visão, além de familiares, em Porto Alegre.

A *Marcha das Bengalas* conta com o apoio de importantes entidades que atuam com pessoas com deficiência como a União de Cegos do RS, a Federação Rio grandense de Entidades de Cegos e para Cegos do RS, a Associação de Cegos Louis Braille, os Conselhos Estadual e Municipal das Pessoas com Deficiência, entre outros. A Marcha das Bengalas terá *concentração às 14h* em frente à sede da Acergs (*Vigário José Inácio, 433*) e seguirá pelas ruas do centro até o Paço Muncipal onde o grupo pretende ser atendido pelos gestores da prefeitura.

O convênio com a Prefeitura Municipal de Porto Alegre, de janeiro de 2016 no valor de R$ 26.249,31 repassados a cada trimestre, foi firmado através da extinta Secretaria Municipal de acessibilidade e inclusão, absorvida pela secretaria de Desenvolvimento Social. Entretanto, o convênio que estabelece os serviços de orientação e mobilidade, atendimento psicológico, ensino do braille e aulas de informática para a população com deficiência visual está em risco.

O presidente da Acergs, Gilberto Kemer, explica o motivo do protesto. “Recebemos a informação de que não teremos mais a garantia da verba e isto compromete a continuidade do trabalho de reabilitação e habilitação de pessoas cegas e com baixa visão em função da ausência do repasse para o pagamento dos profissionais pela Prefeitura. Por isto estamos nos mobilizando e contamos com o apoio da população”, disse o presidente.

A Acergs tem 50 anos de existência e é a entidade pioneira na prestação do serviço na cidade de Porto Alegre. Trata-se de uma atividade de suma importância ao desenvolvimento do indivíduo com deficiência visual e fundamental às pessoas envolvidas neste momento de dor, superação e aprendizagem. Atua no acolhimento, reabilitação, qualificação profissional, empregabilidade, paradesporto e cultura. Atualmente atende cerca de 800 pessoas com deficiência visual por mês.

O diretor financeiro da entidade, Airto Viana Chaves, reforça a preocupação da diretoria. “São muitos anos de trabalho e luta por melhores condições de vida e autonomia para as pessoas cegas. Não é possível aceitar qualquer retrocesso que afete o protagonismo e desenvolvimento das pessoas com deficiência visual. Somos cientes de que nosso pleito é justo no sentido de que a Prefeitura de Porto Alegre dê continuidade ao convênio firmado”, destacou.

A Acergs está utilizando as redes sociais para convocar a população da capital a se somar à Marcha das Bengalas e já recebeu a confirmação da presença de representantes das principais instituições que atuam com pessoas com deficiência.

*Marcha das Bengalas*

Dia 9 de maio (terça-feira) – 14h

Concentração na sede da Associação de Cegos

Rua Vigário José Inácio, 433

A marcha seguirá em direção a Prefeitura de Porto Alegre

Mais informações e agendamento de entrevistas:

Luciana Fagundes – Assessoria de imprensa

(51) 99380 0051

(51) 3225 3816 – Acergs

imprensa@acergs.org.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *