LIXO RECICLÁVEL SE TRANSFORMA EM INSTRUMENTO DE AUTONOMIA PARA CEGOS

*Acergs doa 20 bengalas produzidas a partir da arrecadação de tampinhas plásticas*

A Associação de Cegos do RS (Acergs) entregou nesta segunda-feira (12/6) vinte (20) bengalas para a turma de concluintes da Oficina de Orientação e Mobilidade, uma das principais atividades oferecidas pela instituição. O evento ocorreu no Auditório Rogério Uzum Fleishmann, na sede da Acergs, no Centro de Porto Alegre. As bengalas são de diversos tamanhos conforme a necessidade dos agraciados.

O clima de emoção esteve no rosto de cada um dos concluintes da oficina e a expectativa era para ser chamado para receber a sua bengala. Um dos contemplados, o sr. Avaríbio Vitt (foto), fez questão de levar à cerimônia algumas dezenas de tampinhas para contribuir com a campanha de arrecadação.

 

A aquisição das bengalas é o resultado de uma campanha que arrecada tampinhas plásticas de refrigerante e água desde 2016 quando a Acergs estabeleceu uma parceria com a empresa Design Bike Art. Naquele ano a campanha focou na aquisição de bicicletas de dois lugares utilizadas na socialização,  recreação bem como nos passeios ciclísticos. Em 2017, a venda das tampinhas está sendo destinada à compra de bengalas. Cada bengala é produzida com o equivalente a 60 Kg de tampinhas. Desde o início do ano já foram arrecadadas cerca de 3 toneladas delas. A metade já foi vendida e a outra parte está sendo preparada para a venda.

O presidente da Acergs, Gilberto Kemer, lembrou a história da bengala como instrumento de mobilidade para os cegos e lembrou que a campanha vem da solidariedade. “Em 1957 chegou no Brasil a primeira bengala branca, apenas 10 anos antes da criação da Acergs. Hoje comemoramos o sucesso da campanha das tampinhas, que além de ajudar o planeta permite essa doação para quem não pode adquirir”, comemorou. O presidente lembrou, ainda, que a entrega, de certa forma, é uma prestação de contas da campanha que coletou cerca de 3 toneladas de tampinhas em 2017.

Rafael Martins dos Santos, Diretor do Empreendedorismo  Acergs, reforçou a importância da reciclagem. “Esta ação é tão importante, pois transforma o lixo numa peça importantíssima para a autonomia das pessoas com deficiência visual. Um ato tão simples que resulta em algo tão grandioso e solidário”, destacou.

A arrecadação de tampinhas é uma campanha permanente da Acergs. O material pode ser entregue nas sedes administrativau e social da instituição e nos postos de coleta administrados por parceiros como o Instituto de Cardiologia, a Faders e o Hostel Solar 63. Além destes locais, alguns grupos de pessoas realizam coletas de tampinhas de forma espontânea e entregam na sede da Acergs.

Pontos de coleta das tampinhas:

Acergs – sede administrativa: Vigário José Inácio, 433, Centro, Porto Alegre.

Acergs – sede social: Av. Monte Cristo, 450, Vila Nova, Porto Alegre.
Instituto de Cardiologia: Av. Princesa Isabel, 395, Santana, Porto Alegre.
Faders – Fundação de Articulação e Desenvolvimento de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência e Pessoas com Altas Habilidades no RS: Rua Duque de Caxias, 418, Centro, Porto Alegre.
Hostel Solar 63: Rua Otávio Correia, 63, Cidade Baixa, Porto Alegre.
ACELE: rua Oswaldo Aranha,  894,  bom Fim, Porto Alegre.

Mais informações pelo telefone (51) 3225-3816

Assessoria de imprensa e fotos:

Luciana Fagundes

(51) 99380 0051f

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *